Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Verde Vermelho

Podia ser um blog sobre Portugal. Podia ser um blog sobre mim. Podia ser um blog sobre coisas boas e más. Podia ser um blog humorístico. Podia ser um blog a tentar ser humorístico. Podia ser um blog sobre qualquer coisa. Pois podia.

Verde Vermelho

Podia ser um blog sobre Portugal. Podia ser um blog sobre mim. Podia ser um blog sobre coisas boas e más. Podia ser um blog humorístico. Podia ser um blog a tentar ser humorístico. Podia ser um blog sobre qualquer coisa. Pois podia.

03 de Junho, 2020

As máscaras de proteção: vamos aos factos!

Joana

Há quem as use bem. Há quem as use mal.

Há quem as manipule bem. Grande parte das pessoas manipula-as mal.

Há máscaras que protegem. Há outras que só fazem de conta.

Há máscaras que são feias. Há máscaras que são pura moda fútil.

Há máscaras humildes. Há máscaras com perfis de Instagram.

Há máscaras no caixote do lixo. Há máscaras no chão, de fonte segura provenientes de bestas quadradas.

Há máscaras bonitas, há máscaras normais e há máscaras às quais só falta pedir uma cabeleira vermelha aos caracóis e um sotaque meio espanholito à mistura para parecerem de Carnaval.

Há máscaras que são cuidadosamente guardadas. Há máscaras que são penduradas nos espelhos retrovisores de carros e camiões, qual árvore com cheirinho a pinho, mas em mau.

E há um grande negócio.

Pois há, pois há.

 

Fonte: Dezeen.com