Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Verde Vermelho

Podia ser um blog sobre Portugal. Podia ser um blog sobre mim. Podia ser um blog sobre coisas boas e más. Podia ser um blog humorístico. Podia ser um blog a tentar ser humorístico. Podia ser um blog sobre qualquer coisa. Pois podia.

Verde Vermelho

Podia ser um blog sobre Portugal. Podia ser um blog sobre mim. Podia ser um blog sobre coisas boas e más. Podia ser um blog humorístico. Podia ser um blog a tentar ser humorístico. Podia ser um blog sobre qualquer coisa. Pois podia.

09 de Janeiro, 2012

Coisas com que embirro - I

Joana
Epá... os The Gift. Detesto, detesto, detesto! Admito que a música (só a melodia) às vezes até tem o seu quê de piada, mas as letras e sobretudo a - chamemos-lhe - "voz" da vocalista é horrenda. Para além de ser forte, soar a muito whiskey e tabaco junto e ser demasiado forçada e arrastada, a mulher é do mais másculo e sem gosto que pode haver. Há uns anos ainda tentei gostar e quase (quase!) me rendi à "Gaivota", do Projeto Amália Hoje. Mas aquela voz sombria e de ressacada estraga tudo. Não vale a pena. Todas as tentativas caíram por terra quando começou a tocar em loop nas rádios uma música dos The Gift em que a letra às tantas culmina nesta maravilhosa obra de arte: "Obrigado por saberes cuidar de mim, tratar de mim, olhar para mim". Na minha cabeça, isto é o que um cão ou um gato reconhecido diria a um dono, que o tratasse de forma exemplar. Mas pronto, eu reconheço que há aqui embirração. Agora tirem-me é a porcaria do novo single da rádio, que eu de manhã quero ir bem disposta para o trabalho. Aquilo é tão, mas tão mau... Mas aposto que toda a gente dirá que é estupendo, porque The Gift para um português é sempre sinónimo de alternativo cool. Lá que é alternativo não contesto, agora está longe de cool cá para mim, isso está. Muito mesmo.

Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.