Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Verde Vermelho

Podia ser um blog sobre Portugal. Podia ser um blog sobre mim. Podia ser um blog sobre coisas boas e más. Podia ser um blog humorístico. Podia ser um blog a tentar ser humorístico. Podia ser um blog sobre qualquer coisa. Pois podia.

Verde Vermelho

Podia ser um blog sobre Portugal. Podia ser um blog sobre mim. Podia ser um blog sobre coisas boas e más. Podia ser um blog humorístico. Podia ser um blog a tentar ser humorístico. Podia ser um blog sobre qualquer coisa. Pois podia.

26 de Dezembro, 2011

O meu Natal foi hoje.

Joana
Hoje foi o dia em que senti que cumpri o espírito natalício. Estive com uma ex-aluna a quem a vida pregou algumas partidas cedo demais e que, ao longo de todo o caminho, ganhou mais maturidade do que mulheres da minha idade em muitos anos. É uma jovem alegre e sempre com espírito positivo, apesar de a vida não ter sido (nem ser) nada fácil para ela e ter que viver muitas coisas só para si. A muito custo, consegui que as partilhasse pelo menos comigo, o que, há largos meses, culminou num desespero tal que a levou a largar os livros no meio da rua e a abraçar-me com uma enorme força e num choro longo e sufocante. Foi muito difícil ver uma jovem a sofrer sozinha tudo aquilo e, mais ainda, não sentir que a quem quer que ela contasse o que se passava, fosse ter o apoio de que precisava. Desliguei-me, por isso, do meu papel estritamente profissional e assumi a vertente humana que a fez confiar em mim. E confiou.
Saber que eu desempenhei um grande papel nesse processo de recuperação, nessa caminhada difícil e que fui, de facto, uma professora que se transformou numa amiga de confiança para a minha aluna é uma satisfação. Foi vê-la hoje a sorrir para a vida com uma alma cheia de energia, uma alegria imensa.
Hoje, sim, tive o meu Natal.

Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.