Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Verde Vermelho

Podia ser um blog sobre Portugal. Podia ser um blog sobre mim. Podia ser um blog sobre coisas boas e más. Podia ser um blog humorístico. Podia ser um blog a tentar ser humorístico. Podia ser um blog sobre qualquer coisa. Pois podia.

Verde Vermelho

Podia ser um blog sobre Portugal. Podia ser um blog sobre mim. Podia ser um blog sobre coisas boas e más. Podia ser um blog humorístico. Podia ser um blog a tentar ser humorístico. Podia ser um blog sobre qualquer coisa. Pois podia.

17 de Janeiro, 2015

Poema de sábado de manhã.

Joana
Não gosto de chuva,
Não gosto de vento,
Gosto de sol e calor de inverno (não rima, mas é o que há).

Inverno é muito giro e tal
mas é dentro da nossa casinha
Com direito a sol na janela
e ali ao lado uma caminha quentinha.

Temos tido direito a tudo
Sem qualquer limitação
Mas há dias em que não ser maio ou julho
me faz uma enorme confusão.

O inverno vai do caraças
Frio a mais e agora a chuva.
Se estivesse na cama quentinha
Era bom, mas bom, sem dúvida.

Calha mal que estou na empresa
E a rapar um frio que não se pode.
O aquecedor bem tenta ajudar
Mas todas as tentativas paracem um flop.

Passa gente com pão fresco na mão
acabadinho de comprar ali ao lado.
Custava muito evitar passar aqui à porta
só para eu me concentrar um bocado?

O frio enregela-me o pensamento
Estou para aqui a escrever sem saber bem porquê
Só queria a minha caminha e sete mil cobertores,
com mimos do namorido e algo quente para beber.

Pronto, é isto.

Sou uma artista injustiçada, eu sei.

Obrigada e bom dia.


2 comentários

Comentar post