Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Verde Vermelho

Podia ser um blog sobre Portugal. Podia ser um blog sobre mim. Podia ser um blog sobre coisas boas e más. Podia ser um blog humorístico. Podia ser um blog a tentar ser humorístico. Podia ser um blog sobre qualquer coisa. Pois podia.

Verde Vermelho

Podia ser um blog sobre Portugal. Podia ser um blog sobre mim. Podia ser um blog sobre coisas boas e más. Podia ser um blog humorístico. Podia ser um blog a tentar ser humorístico. Podia ser um blog sobre qualquer coisa. Pois podia.

19 de Junho, 2015

Something old, something new...

Joana

Nos casamentos há sempre algo velho e algo novo, certo? Parece que a estória do nosso não irá falhar esta tradição...

 

Se, por um lado, a ideia de mudar, daqui a pouco tempo, para a nova casa nos entusiasma, por outro assusta-nos, e não é pouco. É difícil resistir a pensar se iremos mudar para melhor, se teremos o sossego e qualidade de vida que temos na atual e se ela responderá mesmo a todas as nossas necessidades. Da casa que ainda habitamos, já pouco tenho a dizer. A minha afinidade com ela está, claramente a esmorecer, de tal forma que já não tenho grande empenho ou brio em mantê-la como nossa, tal como acontecia até aqui. E não é só por irmos mudar. Acho que, no fundo, estou ofendida com a forma como o nosso senhorio nos fez ver que nós, não a querendo comprar, teríamos de a abandonar, como se de algo meramente material se tratasse. Para mim e nós, era bem mais do que isso - temos muito do nosso amor e história naquela casa e, por isso, ela tem grande dimensão emocional para nós. Mas talvez ele tenha razão; se calhar, devemos mesmo entendê-la como uma simples construção e nada mais. Estamos, por isso a forçar-nos "desligar" desta casa e a reorientar energias para o nosso novo investimento. Mesmo sem certezas de nada - e com o natural receio que isso acarreta - quero crer que iremos mudar para melhor e que não há motivo algum para que assim não seja.