Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Verde Vermelho

Podia ser um blog sobre Portugal. Podia ser um blog sobre mim. Podia ser um blog sobre coisas boas e más. Podia ser um blog humorístico. Podia ser um blog a tentar ser humorístico. Podia ser um blog sobre qualquer coisa. Pois podia.

Verde Vermelho

Podia ser um blog sobre Portugal. Podia ser um blog sobre mim. Podia ser um blog sobre coisas boas e más. Podia ser um blog humorístico. Podia ser um blog a tentar ser humorístico. Podia ser um blog sobre qualquer coisa. Pois podia.

28 de Julho, 2014

Vergonha deste país que rouba e se diz desenvolvido.

Joana
Há mais de um mês que fiz uma encomenda dos Estados Unidos. Pois que a encomenda foi alvo de verificação na alfândega do nosso país e esteve lá três semanas (três semanas!!!) até que eu recebesse uma carta registada a pedir documentos para poderem proceder ao desalfandegamento. Enviei tudo até por email para ser mais rápido, recebi de imediato a confirmação de que tudo estava OK e, através do serviço Tracking CTT, lá ia acompanhando o estado das coisas. Contactei os CTT para saber de que forma poderia saber se havia lugar a algum pagamento e eles deram a indicação de que se houvesse algo a pagar, tal me seria informado por notificação de email. Nada me foi dito. Fiquei descansada e percebi que as coisas até funcionavam - os meus comprovativos eram claros e nada havia a esconder.

Hoje vou à caixa do correio e vejo lá o aviso de levantamento de encomenda nos Correios. Quando reparo melhor, tenho uma cobrança de 30 euros pela encomenda. Fiquei piúrça!! O que é aquilo, afinal? O que se passa? Por que raio vou eu pagar o que quer que seja por algo que ficou provado ter sido pago, faturado e honesto? 

Digo-vos que não me calarei e irei reclamar à alfândega e no livro de reclamações deles, nem que para isso tenha de ir propositadamente a Lisboa, local onde todo o problema e implicância começou. Se há lugar a desconfiança e eles resolvem fazer uma verificação, por que carga d'água é que tenho de ser EU a pagar por isso, se tudo se confirma que está ok? Eu não percebo isto; esforço-me, mas não entendo! Trata-se de um serviço das Finanças e só isso explica muito, mas as coisas não podem ser assim. O Governo enche os bolsos com a máxima descontração e recorrendo à lei da pressão e do cumprimentos dos deveres legais e nós vamos sempre baixar as orelhas e pagar? Palahaçada de país, a sério!!!

Se quiserem aceitar um conselho, não façam compras de material vindo de fora da U.E., especialmente dos E.U.A. (pelo que tenho visto, é bem pior do que vindo da China), porque, provavelmente, irão pagar duas vezes o que encomendaram. São duas contribuições: uma para os impostos americanos e outra para os impostos portugueses!! Porquê? Não sei. Talvez porque tudo isto seja um circo!

E isto tudo para coisas honestas. Se fosse para contrabando, de certeza que nem seria alvo de verificação. Cambada de exploradores.